Inovação

Renovar os processos, criar novos projetos, ter novas ideias para uma vida melhor. O Colégio Loyola está conectado nesses objetivos. Conheça os programas que permitem o crescimento dos nossos alunos na área de inovação tecnológica, empreendedorismo e cultura.

Metodologias Ativas

As Metodologias ativas são estratégias de ensino e aprendizagem centradas na participação concreta dos estudantes na construção de seu conhecimento. Por meio delas, são estabelecidas situações nas quais os alunos estão a todo momento ativos, colaborando uns com os outros e atuando de forma mais autônoma em seu processo formativo. Essas metodologias, ainda, sugerem a mudança de papéis entre alunos e professores, destacando o foco nas situações de vivência e experiências mais significativas para cada aprendiz.

Nos métodos ativos de aprendizagem, o trabalho com a autonomia dos estudantes é um dos critérios-chave para que a aprendizagem ocorra de forma mais satisfatória e significativa. Acredita-se que o conhecimento passa a ter mais significado, quando o estudante experimenta vivencia situações mais próximas de sua realidade e atua de forma mais sistemática na sua construção.

Núcleo de Inovação e Empreendedorismo

O iLO (Núcleo de Inovação e Empreendedorismo do Colégio Loyola) é um projeto em parceria com a Fundação Dom Cabral. O objetivo é promover a cultura da inovação e o espírito empreendedor em todas as dimensões da vida escolar. Em 2019, o iLO teve dois programas em funcionamento: Geração de Valor e Empreendedorismo Socioambiental.

Saiba como essa ideia começou. Clique aqui e veja o vídeo.

Valor da Geração

Valor da Geração, carinhosamente apelidado de VG em homenagem ao empreendedor e educador Flávio Augusto, é formado por alunos do 8º Ano EF à 3ª Série EM.

É um espaço para desenvolvimento de projetos e pessoas com foco em novos métodos de ensino e na promoção da cidadania global.

Com a mentoria de um educador, mas sempre fazendo uso da autonomia que possuem, os VGs se reúnem periodicamente e definem suas próprias metas com o objetivo de promover inovação nas relações da escola, auxiliar os professores e facilitar o diálogo entre a comunidade escolar.

 

Empreendedorismo Socioambiental

Empreendedorismo Socioambiental simula uma aceleradora de Startup, fomentando e desenvolvendo ideias empreendedoras que tenham viés socioambiental. Essencialmente, os projetos a serem desenvolvidos devem propor soluções financeiramente viáveis para problemas ou desenvolvimento socioambiental.

Nesse programa, os alunos do 8º Ano EF à 3ª Série EM experienciam e praticam a inovação. No processo, desenvolvem valores que os tornam mais humanos e empreendedores. Eles são acompanhados por um mentor, possuem um plano de trabalho e têm encontros com especialistas.

Confira o vídeo do ProESA, componente do Núcleo de Inovação e Empreendedorismo (iLO).

Linguagem e pensamento computacional – Robótica

Proposta para os estudantes do 6º e 7º Anos do Ensino Fundamental, a iniciativa tem como objetivo introduzir os alunos em uma nova forma de criar, agir e transformar – própria do mundo contemporâneo.

Trata-se de um conjunto de desafios apresentados inicialmente em Matemática, Ciências e Geografia, de forma que os alunos possam entender os conteúdos e desenvolver habilidades necessárias para a solução de problemas próprios dessas e de outras disciplinas.

É uma metodologia de ensino que tem como objetivo fomentar no estudante a investigação e a materialização dos conceitos aprendidos nas disciplinas. Além disso, esse ramo educacional colabora no desenvolvimento de habilidades socioemocionais, da criatividade e do trabalho coletivo.

Ensino Híbrido

Ensino Híbrido é um modelo de educação formal que se caracteriza por mesclar dois modos de ensino. São eles o on-line, em que o aluno pode estudar sozinho, aproveitando o potencial de ferramentas eletrônicas e virtuais, e o off-line, em que o aluno estuda em grupo, com o professor ou colegas, valorizando a interação e o aprendizado coletivo e colaborativo.

No Loyola, são realizadas aulas ‘’de rotação” em que são conciliados os momentos on-line e off-line. São situações em que os estudantes trabalham em diferentes agrupamentos, unindo o ensino convencional com as ferramentas da tecnologia digital.

Além disso, a “mão na massa” e a experimentação, elementos que fornecem maior autonomia e engajamento dos alunos, também são agregadas à aprendizagem.

#TEC

#Tec é um grupo de alunos nomeados pelo Conselho Diretor do Colégio Loyola para refletir e discutir questões relacionadas ao uso da tecnologia na escola.

Os estudantes do 9º Ano EF à 3ª Série EM compõem o Comitê Gestor Discente de Tecnologia. Sugerindo e avaliando o potencial de novas ferramentas, eles apoiam a direção na tomada de decisões sobre a incorporação de recursos tecnológicos dentro e fora da sala de aula.

O Comitê conta ainda com a participação do Coordenador de Tecnologia Educacional e de um assessor externo.

Sala de Estudos

A Sala de Estudos é um espaço educativo e de apoio pedagógico para alunos, professores e coordenadores, dentro do Colégio Loyola, que valoriza a disciplina de estudos para promover a corresponsabilidade no desenvolvimento do aprendizado e na construção do conhecimento.

É um ambiente para atuação da Equipe de Monitoria e para viabilização de condições de estudo, pesquisa e prática do corpo discente.

As atividades abrangem as disciplinas de Português, Literatura, Redação e Matemática voltadas para os ensinos Fundamental 2 e Médio.

Coral do Colégio Loyola

Um jeito diferente para conviver e servir através da música e, por meio da alegria, contagiar outras pessoas.

Com esse objetivo, expresso no plano de melhoria da qualidade escolar “A escola que queremos 2014-2016”, nasceu o Coral do Colégio Loyola, um coro adulto de vozes, institucional, formado por pais, antigos-alunos e colaboradores.

Trata-se de mais uma iniciativa da escola para fomentar o espírito de comunidade e para promover as pessoas por meio da arte.